Carta Pastoral

CARPE DIEM IV

06/09/2018 - Autor: Pr. Natanael Lima

QUEBRA GELO: https://www.youtube.com/watch?v=4yHIhiGTTnA

PASSAGEM BÍBLICA: 1 Pe.5:10 - E o Deus de toda a graça, que em Cristo Jesus vos chamou à sua eterna glória, depois de haverdes padecido um pouco, ele mesmo vos aperfeiçoará, confirmará, fortificará e fortalecerá.

DESENVOLVIMENTO DO TEMA:

INTRODUÇÃO: Viver é uma experiência extraordinária. Desde a concepção, o ser humano vive em constante processo, de transformações e amadurecimento. O salmista bem declarou quando fez em seus versos a seguinte declaração: - Eu te louvarei, porque de um modo assombroso, e tão maravilhoso fui feito; maravilhosas são as tuas obras, e a minha alma o sabe muito bem. Salmos 139:14. Se você fosse completar a frase como você a completaria? “Eu te louvarei Senhor por que...”
E nesse desvendar diário da vontade de Deus para nossas vidas, vamos nos deparar com circunstâncias que não estarão ao nosso alcance de compreensão ou de solução. Nessas horas precisamos repetir a frase do poeta Horácio: “Carpe diem”.
Por que devemos agir assim?

Carpe diem: O Deus de toda Graça está olhando para você - Como é difícil para nós acreditarmos que o Senhor é gracioso? O sentimento natural de nossos corações é: "que és homem rigoroso" (Lucas 19:21); existe a falta em nós do entendimento da graça de Deus. 
Algumas pessoas confundem a Graça de Deus com aceitação. Deus não concorda com os nossos pecados. Mas por meio de sua graça, Ele não nos rejeita por causa deles. Um exemplo muito claro que podemos aprender isso é João 8:11 - E, endireitando-se Jesus, e não vendo ninguém mais do que a mulher, disse-lhe: Mulher, onde estão aqueles teus acusadores? Ninguém te condenou? 11 - E ela disse: Ninguém, Senhor. E disse-lhe Jesus: Nem eu também te condeno; vai-te, e não peques mais. Tenho entendido de que a graça é essa expressão de Deus dizendo: “Não te condeno. Vá e não peques mais”  

Carpe diem: Deus tem provido o ambiente necessário para que você seja ajudado como membro da família de Deus.

O Deus de toda graça enviou seu filho unigênito para morrer na cruz por causa dos nossos pecados. João 3:16 - Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. (Deus deu o seu filho unigênito (único do gênero) por amor a nós).
Mas ele mesmo, o ressuscitou dentre os mortos para fazê-lo primogênito (primeiro gerado). Romanos 8:29 - Porque os que dantes conheceu também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos. 
Efésios 2:19 - Assim que já não sois estrangeiros, nem forasteiros, mas concidadãos dos santos, e da família de Deus;

Carpe diem: Deus conhece as suas lutas e não ficará em silêncio.
“depois de haverdes padecido um pouco, ele mesmo vos aperfeiçoará, confirmará, fortificará e fortalecerá”. 1 Pe.5:10c

O aposto Pedro havia experimentado um nível de graça de Deus diferente de seus companheiros. Pois ele não somente abandonou Jesus como os outros e o negou. Porém, Jesus não permitiu que Pedro se perdesse. No evangelho de Marcos 16:7 encontramos o seguinte registro: Mas ide, dizei a seus discípulos, e a Pedro, que ele vai adiante de vós para a Galileia; ali o vereis, como ele vos disse. Jesus havia ressuscitado e agora iria reunir-se novamente com seus discípulos. mas um deles (Pedro) precisava de um convite específico. Deus tem um convite específico para cada um de nós. E o convite é: “Tu me amas? Apascenta minhas ovelhas”.

CONCLUSÃO:  Carpe Diem o Deus de toda Graça é contigo!

ATENÇÃO: Inscrições para o Retiro do Coração Abrasado (2 por GCEU).

Baixar Carta