Carta Pastoral - Pré-Adolescentes

TRANSFORMANDO ADVERSIDADE EM BENÇÃO 9 - REPARTINDO PARA MULTIPLICAR

17/08/2017 - Autor: Eunilda Santos

QUEBRA GELO: : Coloque os em círculo. Distribua para cada um pirulito na embalagem. Todos devem segurá-lo com a mão direita, e colocar a mão esquerda para trás. Eles não poderão usar a mão esquerda para realizar nada, estiquem o braço direito para frente, e a partir de agora não podem dobrar o braço, o único movimento que podem fazer é para a direita ou para a esquerda, quem dobrar o braço será retirado da brincadeira. Agora desembrulhem o pirulito que está na mão direita e comecem a chupar (sem a ajuda da mão esquerda). Logo eles irão começar a reclamar que não tem como fazerem isso porque não podem usar a mão esquerda, não podem dobrar o braço, e os movimentos só podem ser para a direita ou para a esquerda. Nesse momento comece a dar dicas de que tem um amigo ao seu lado para pedir ajuda. O primeiro desafio é remover a embalagem do pirulito, como eles não podem dobrar o braço, cada um deverá chupar o pirulito do amigo ao lado. Isso deixa a brincadeira muito divertida. A moral da brincadeira é que na hora da necessidade devemos pedir ajuda ao nosso próximo, dividir, e compartilhar o que temos. Na nossa história bíblica de hoje vamos conhecer uma mulher que dividiu, compartilhou o que tinha e ficou muito feliz.

PASSAGEM BÍBLICA: Assim brilhe a luz de vocês diante dos homens, para que vejam as suas boas obras e glorifiquem ao Pai de vocês, que está nos céus. Mateus 5:16
Referências bíblicas: I Reis 17:8-16

DESENVOLVIMENTO DO TEMA: Objetivo: Reconhecer que Deus reconhece os nossos atos de bondade; Entender que Deus espera que compartilhemos o que temos

HISTÓRIA: O profeta Elias foi para Serepta. Ele estava com fome e com sede, e ao entrar na cidade, ele encontrou uma viúva que estava catando lenha. Elias se aproximou e lhe pediu um pouco de água para beber e um pedaço de pão para comer, a mulher olhou espantada para ele e lhe disse: ___ Senhor, eu sou uma pobre viúva. Moro apenas com meu filhinho e passamos muitas necessidades. Se você for até a minha casa vai ver que só tenho um punhado de farinha de trigo numa tigela e um pouco de azeito no jarro. Estou aqui apanhando essa lenha para fazer um pão pequeno para mim e para meu filho, e depois não teremos mais o que comer. Certamente morreremos de fome. Elias lhe disse para não se preocupar, mas para fazer o que ele estava lhe falando. Elias lhe disse para fazer um pãozinho para ele, e depois para ela e seu filho. Pois o senhor Deus, não deixará faltar farinha na tigela, nem azeite no jarro. A viúva poderia ter achado que Elias era um aproveitador, pois queria tudo o que ela tinha para comer. Mas ela acreditou no que Elias falou. Foi para casa e fez o bolo para Elias comesse, voltou para fazer o seu e do seu filho e a tigela estava cheia de farinha e o jarro cheio de azeite. Que alegria! Deus fez o que prometeu. A viúva teve alimento para ela e seu filho por muito tempo. A viúva e seu filho ficaram muito felizes, pois Deus recompensou o alimento dividido, compartilhado com uma pessoa que estava necessitada. Hoje as pessoas não estão necessitando somente de roupas, sapatos, remédios, elas precisam conhecer ao senhor Jesus que nos ajuda a solucionar todos os nossos problemas. 

CONCLUSÃO: Tanto na dinâmica como na história de hoje vimos que, não devemos ser egoístas, e nem olhar para as dificuldades que enfrentamos. O problema era o mesmo para todos e se aprendermos a dividir e compartilhar o que temos, todos serão beneficiados. A viúva e seu filho tiveram alimento por muito tempo porque confiou na promessa que o Senhor lhe fez através do profeta Elias, e compartilhou o pouco alimento que tinha. Devemos confiar que o Senhor cumpre todas as suas promessas e não nos deixa desamparados. 

Líder, ore com eles pedindo ao Senhor Jesus que os ajude a dividir, compartilhar com aquele que estiver necessitado. Não somente o alimento para o corpo, mas conhecer a Jesus Cristo e a sua palavra que é o alimento para a alma.

 Líder, não se esqueça de fazer a sua inscrição para o IIº frutificar, que será no dia 26/08/17, com início às 8:00hs. 

Baixar Carta