Carta Pastoral

SÉRIE VÓS ORAREIS ASSIM - II

01/03/2018 - Autor: Pr. Natanael Lima

QUEBRA GELO: https://youtu.be/qiDHcTsWi78

PASSAGEM BÍBLICA: Mateus 6:9 - 10

DESENVOLVIMENTO DO TEMA: Você sabe qual é a diferença entre “Rezar” e “Orar”?
Se estudarmos a origem destas duas palavras, vamos encontrar as seguintes definições:
a) Rezar – É uma palavra de origem latina. Rezar em latim é “Recitar”. Recitar é ler em voz alta, ou dizer de cor. Logo, rezar remete a ideia de falar algo pronto, escrito por outra pessoa. Algo impessoal.
b) Orar – vem do verbo “Oro” que significa “dizer”, “falar”, “oralizar”. Cremos que a palavra “orar”, é a que mais expressa o ensino de Jesus sobre “oração”. Deus deseja que falemos do que está em nossos corações. E não, do que está decorado em nossa mente.
Quando Jesus ensinou aos seus discípulos a orar Ele organizou a oração em três partes:

1º Parte está relacionada a expressão de nosso desejo para a pessoa de Deus.
2º Parte está relacionada a expressão de nossas necessidades. E fé de que Deus é a fonte de toda provisão, perdão e proteção.
3º Parte está relacionada ao nosso louvor e exaltação do Pai como autoridade máxima na terra como no céu.
Vamos examinar cada uma dessas partes: 

1º OS DESEJOS PARA COM DEUS: Na primeira parte da oração Jesus nos ensina sobre os três desejos que devemos ter em relação a pessoa de Deus

Qual o PRIMEIRO desejo que Deus espera que tenhamos no nosso coração ao orarmos à Ele? Leia: Mt.6:9. (Pergunte ao GCEU)
O primeiro desejo é: “Santificado seja o teu Nome”. Quando o nome de Deus é tomado em vão pelos homens, Deus não expressa sua ira com trovões no céu. Na verdade, Ele oculta-se, e permite que o homem colha as consequências de sua escolha de não “santificar o seu nome”. Romanos 1:21 - Porquanto, tendo conhecido a Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe deram graças, antes em seus discursos se desvaneceram, e o seu coração insensato se obscureceu. 22 - Dizendo-se sábios, tornaram-se loucos. 24 - Por isso também Deus os entregou às concupiscências de seus corações, à imundícia, para desonrarem seus corpos entre si;
“Santificado seja o teu nome” é a nossa expressão de que toda a terra glorifique a Deus. Quando eu digo em minha casa: Santificado seja o teu nome. Eu estou declarando que desejo que todos da minha casa amem a Deus sobre toas as coisas.

Qual é o SEGUNDO desejo que Deus espera que tenhamos no nosso coração ao orarmos à Ele? Leia: Mt.6:10. (Pergunte ao GCEU)
Deus deseja, que nós venhamos a desejar que o Reino dos céus se estenda até aqui na terra. É um desejo de “EXPANSÃO”. Como a expansão do reino se manifesta? Mateus 12:28 - Mas, se eu expulso os demônios pelo Espírito de Deus, logo é chegado a vós o reino de Deus. Hoje, em qualquer lugar em que os filhos de Deus expulsem demônios pelo Espirito de Deus e destroem suas obras, alí terá chegado o Reino de Deus. Dizer “venha o Teu Reino”. Não pode ser apenas um desejo da igreja. Mas também sua responsabilidade.

Qual é o TERCEIRO desejo que Deus espera que tenhamos no nosso coração ao orarmos à Ele? Leia: Mt.6:10. (Pergunte ao GCEU)
Deus deseja que nós possamos orar antes de agir. Deus deseja que nós venhamos a conhecer a sua vontade para cada área de nossa vida, mas também para a nossa rua, bairro e cidade, orar “seja feita a sua vontade aqui na terra como no céu, é desejar que Deus esteja no governo de tudo. 

CONCLUSÃO: Quando o nome de Deus é santificado entre os homens o reino se manifesta e a Sua vontade é feita na terra como no céu.

OBS.: OREMOS PELAS CASAS DE PAZ.

Baixar Carta